terça-feira, 28 de fevereiro de 2006

Reuniao vazia na Comissão de Arbitragem

O presidente do Aves, Joaquim Pereira, saiu do encontro ontem à tarde, com Luís Guilherme, responsável pela Comissão de Arbitragem (CA) com a sensação de "vazio". "Foi uma reunião vazia, como aliás têm sido todas as outras", comentou, deixando no ar alguns lamentos, pelo facto de não haver um mediador neste tipo de reuniões. "Lamento profundamente que não haja um órgão neutro que fiscalize e medeie este tipo de reuniões. Nos moldes actuais as conclusões a retirar são vazias e nulas. Nem perante provas exibidas se chegou a qualquer consenso. No meio disto tudo, os árbitros são os menos culpados e enquanto não existir o tal órgão o futebol português não mudará", frisou o dirigente.
.

Força Avense: "Sr Presidente: Estamos a ser comidos, porquê?"

.João Carlos Pereira despedido do Moreirense
.

Pela segunda vez este ano, após o encontro com o Desportivo das Aves, a equipa de Moreira de Cónegos fica sem técnico principal.
"Curiosamente, o Aves esteve na origem das duas mudanças de treinador. Na primeira volta, os 4-2 consentidos na Vila das Aves precipitou a saída de Vítor Paneira e, agora, uma nova derrota com os avenses implicou outra "chicotada". Em 17 jornadas João Carlos Pereira obteve cinco vitórias, outros tantos empates e sete derrotas. O fantasma da despromoção mantém-se." - OJOGO.

2 Comments:

  1. Pintas said...
    Lol, os treinadores vão começar a ter medo de jogar com o Aves... São sempre despedidos...
    Zé Fernandes said...
    ya... e paí o 5º este ano... dois do moreirense, um do chaves, um do belenenses e ja nem me lembro de mais, mas houve!

Post a Comment