quinta-feira, 24 de abril de 2008

O observador da Liga João Brites Lopes avaliou o desempenho do árbitro Jorge Sousa em 2,8 pontos (de 1 a 5). António Fiúza já reagiu: «Foram tantos os erros praticados pelo sr. Jorge Sousa que estranhamos a pontuação dada ao árbitro e vamos recorrer da nota». O dirigente do Gil Vicente já apresentou uma exposição à arbitragem do jogo com o nosso Desportivo, baseada nos relatos dos órgãos de comunicação social presentes no jogo. Espectacular! Entretanto o Sr. Fiúza já disse também que vai estar atento ao trabalho de Jorge Sousa, este fim-de-semana, lançando uma espécie de ameaça ao árbitro portuense: «vou ver bem a partida que ele vai arbitrar este fim-de-semana, entre o Rio Ave e o Varzim, para ver se mantém a sua postura arrogante».

João Freitas, presidente do Aves, já reagiu e afirmou que «o grupo de trabalho está revoltado», já que «o senhor Fiúza continua a insistir em mediatizar o jogo (Gil Vicente - Desportivo da Aves, 1-4) e em dizer que nós saímos dos últimos lugares por causa das arbitragens, o que não é verdade».

"Segundo o presidente avense, o «grupo de trabalho está revoltado e não pode deixar passar estas declarações porque quem cala consente». João Freitas lamentou que o seu congénere gilista coloque em causa o «esforço e o empenho» dos jogadores e equipa técnica do seu clube, que nas últimos cinco jogos amealhou 13 pontos em 15 possíveis, saltando da última posição para o meio da tabela (10.º classificado com 33 pontos), quase que assegurando a permanência." - RECORD

3 Comments:

  1. Pintas said...
    Este Fiuza é uma anedota...
    Gabriel said...
    é um verdadeiro palhaço foi ele o responsável pela descida do Gil, é por culpa de senhores como este que o futebol está assim...
    Gabriel said...
    Este comentário foi removido pelo autor.

Post a Comment