segunda-feira, 5 de fevereiro de 2007

"Sabíamos que não seria fácil, mas que era possível sermos felizes. Na primeira parte estivemos sempre organizados, conseguimos sair algumas vezes para o contra-ataque, mas tivemos dificuldades no último passe. Na parte final, quando pensávamos que podíamos chegar ao golo, o Braga foi premiado com um auto-golo." - PROF. NECA


"Sem outra competência em campo que não fosse a de tentar adiar, se possível até à eternidade, o golo por parte dos anfitriões, o Aves usou e abusou de uma estratégia de contenção, quase se negando a pisar solos além da meia divisória. Ciente do massacre que lhe custaria essa postura, aguentou estoicamente até ao intervalo todas as iniciativas de um Braga a exagerar na dependência de Andrade nas bolas paradas e da generosidade competitiva de Zé Carlos." - OJOGO

"JOGO de nervos e de tensão permanente, explicada pelos níveis de ansiedade que envolveram o conjunto bracarense, acentuados com o vertiginoso adiantar do relógio e a manifesta dificuldade exibida pelos homens de Rogério Gonçalves para ultrapassar o hiper povoado e super-resistente bloco defensivo do Desportivo das Aves. Valeu aquele momento de inspiração de Zé Carlos, ao jeito de verdadeiro calmante, vislumbrado ao minuto 81, para consumar um triunfo perfeitamente justificado." - ABOLA



"Sentido único no jogo. Um dado previsível, em função do ficheiro comportamental do D. Aves nesta Liga. A formação de Neca sente-se confortável quando dá a iniciativa de jogo ao adversário e desde o apito inicial remeteu-se a uma postura de expectativa. Os homens da casa, cientes da premência do triunfo, assumiram o favoritismo e lançaram-se em ofensivas constantes desde o primeiro minuto." - MAISFUTEBOL

"Já no Aves, causou-nos no mínimo estranheza ver Jorge Ribeiro no meio e Jocivalter na esquerda. O que pretenderia Neca? Jocivalter tem bons pés, mas as suas limitações tácticas concederam espaço sem fim a Luís Filipe. Já agora, mal aproveitado pelo lateral direito. Ora, na hora de regressar aos balneários, sentia-se algum conforto na equipa do D. Aves. Fiéis à concepção do seu treinador, fizeram o que lhes pedira: defender com concentração e até à exaustão. Atacar? Depois vê-se." - MAISFUTEBOL



"«Pois bem», terá pensado Neca «se metes esses, eu acrescento uns quantos para a minha defesa.» E se bem o pensou, melhor o fez. Avancem então Marcelo Henrique e Mércio, mais dois «mouros de trabalho». Conclusão: um exagerado fluxo de jogadores na área do D. Aves, que atrapalhou, ainda mais, o trabalho de todos os jogadores. Mas Neca foi ganancioso demais na aposta «cega» pela alegoria do empate. Tanto o cântaro foi à fonte da metodologia avense, que alguma vez haveria de quebrar. E quebrou, a nove minutos do fim num pontapé de Zé Carlos. Um pontapé na crise que já se anunciava em Braga, caso os minhotos não vencessem pela quinta vez seguida. Venceram e venceram bem, com justiça, porque foram os únicos a desejá-lo." - MAISFUTEBOL



“Estivemos muito perto do nosso objectivo, que era pontuar no campo do Braga... mas falhou. E por pouco. Um ponto seria um passo importante para a fuga aos últimos lugares, mas vamos continuar perseguindo esse objectivo.” - NUNO ESPÍRITO SANTO

"A equipa do professor Neca não abdicava do seu sistema de jogo e tinha sempre uma primeira barreira de quatro ou cinco homens no meio-campo, situação que começou a criar dificuldades ao Braga para organizar o seu jogo." - SPORTUGAL

Ligações:
OJOGO - "E a vacina chegou ao fim"
OJOGO - O Árbitro
OJOGO - O Momento
OJOGO - Lances-Chave
OJOGO - A Estrela
OJOGO - O Aves um a um
OJOGO - "Neca: «Jogadores mereciam empate»"
OJOGO - "Rogério Gonçalves: «Viu-se que venceríamos»"
ABOLA - Edição do Dia
PUBLICO - "Sporting de Braga vence Desportivo das Aves por 1-0"
RECORD - "Nuno: «Clube de gente trabalhadora»"
RECORD - Jogo ao Vivo
SPORTUGAL - "Sp. Braga isola-se no quarto lugar da Liga"

3 Comments:

  1. Sócio nº 6960 said...
    Tens que admitir que uma equipa que defende praticamente 90 minutos nao merecia muito mais...
    Treinadore que fazem o que o Neca fez ontem so estragam o futebol portugues
    Zé Fernandes said...
    concordo totalmente
    Esquimó said...
    o aves n dava mais de tres tokes na bola!!! como e possivel uma equipa manter se na 1ª Liga a jogar assim!!! neca fizeste um bom trabalho, mas n es treinador pa esta divisao... nao percebo nada do jogo do aves e uma tristeza... octavio a ponta de lança? como e possivel?!!!

Post a Comment