quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

1977/1978
16avos de Final da Taça de Portugal
CD AVES 0-3 FC Porto
(Campo Bernardino Gome
s)

1993/1994
Quartos-de-Final da Taça de Portugal
FC Porto 6-0 CD AVES
(Estádio das Antas)

2007/2008

5ª Eliminatória da Taça de Portugal
FC Porto - CD AVES
(Estádio do Dragão)

1977/1978: O pequeno Desportivo caíu aos pés do poderoso FC Porto, num jogo disputado no Bernardino Gomes. 3-0 foi o resultado final do último "jogo grande" que o velhinho campo do Aves recebeu, 9 anos depois do primeiro jogo frente a um grande, na recepção ao Sporting.



O Porto foi, naturalmente, a melhor equipa em campo. González (8 minutos), Vital (aos 49') e Gomes (aos 50) fizeram os golos da equipa visitante (o último ao que diz ABOLA, em fora-de-jogo). Aqui ficam alguns excertos da edição d'A BOLA que fala deste encontro:

«Não se esperava, naturalmente, que uma equipa com o valor as aspirações de um F.C. Porto pudesse fazer a sua visitinha de promoção a uma Vila das Aves a rebentar pelas costuras e viesse a sentir grandes dificuldades para se desembaraçar do «leader» da zona A da Terceira Divisão».

«De toda a forma, quero salientar que o Desportivo das Aves foi um digno vencido, lutando quanto pôde para dificultar a nossa vitória» - José Maria Pedroto

«Apenas acontece que sofrendo um golo logo aos 8 m. de jogo e passando todo o tempo a fazer os possíveis por se libertar do total controlo do adversário, a verdade é que o Desportivo das Aves não pôde voar. Porque não o deixaram (...) É pois muito provável que esta equipa de Vila das Aves, que já cometeu a sensacional proeza de ir a Coimbra eliminar o Académico, possa merecer, por tudo o que tem feito, por aquilo que tem conseguido, francos elogios, agradáveis adjectivos."

O Aves, no dia 8 de Janeiro de 1978 jogou com: Paquete, Valente, Júlio, Sá e Raul; Cândido, Lavadores, Pinheiro e Araponga; Capelini e Esteves. Jogaram ainda: Tarcísio e Manuel. Gentil e Lázaro foram suplentes não utlizados.


B. Gomes à pinha! Foto: ABOLA

Nessa temporada, o Aves eliminou o Académico de Coimbra [lembram-se da notícia do ano passado?], vencendo por 1-0 na cidade dos estudantes, eliminou também o Atlético (4-3 no B.Gomes) e o Sp. Lamego (6-0 também em casa). Foi uma época em que o Aves foi vice-campeão da III Divisão, começando a ganhar prestígio nacional. Uma época de ouro do Desportivo!

1993/1994: Aves e Porto encontraram-se no Estádio das Antas, nos Quartos de Final da Taça de Portugal. O Aves perdeu por expressivos 6-0, no final de um percuso que marcou a melhor prestação de sempre do nosso Desportivo, na prova rainha do futebol português. Nessa temporada o Aves eliminou o Caldas (2-1 em casa), o Moreirense (2-1 em casa) e o Penafiel (4-1 fora), beneficiando ainda do facto de ter ficado isento nos Oitavos de Final. O Porto acabou por vencer a prova na finalíssima, derrotando o Sporting por 2-1, depois de 0-0 na Final... O jogo Porto - Aves ficou também marcado por uma grande penalidade defendida por Vítor Baía a remate de Vitinha, quando o jogo ainda estava 0-0... (se a memória não me engana). Curiosamente, e se não me engano, o técnico do Aves neste jogo era... Henrique Nunes!


O Plantel de 1993/1994, a melhor época do Aves na Taça de Portugal!
(foto: glóriasdopassado)


2007/2008: o Aves defronta o líder isolado da Primeira Liga, o FC Porto, com 11 pontos de vantagem sobre o 2º classificado da prova, quando apenas se jogaram 16 partidas. É suficiente para provar que o Porto é, neste momento, a melhor equipa portuguesa... Este é um daqueles jogos em que não há nada a perder, como realçou o nosso técnico, em reacção ao sorteio: "É um dos adversários que queríamos, só é pena que não seja no nosso estádio, mas é uma partida em que temos tudo a ganhar e nada a perder".


A última visita ao Dragão foi há meio ano... O Aves perdeu e desceu de divisão.
(Foto: Fototifo)

O Aves desloca-se ao Dragão sem qualquer responsabilidade, a não ser fazer tudo para DIGNIFICAR O SEU EMBLEMA! Se o Aves perder, ninguém fica muito triste... Se ganhar...

No futebol, nunca se sabe...

Venha a festa da Taça! TODOS AO DRAGÃO! (e vivó Aves)
AGRADECIMENTOS: T.Fernandes e Valente , pelo artigo!

2 Comments:

  1. jcr said...
    Já não bastava a dificuldade que é o adversario como ainda vamos ter de levar com Artur Soares Dias...
    Pintas said...
    Boa reportagem!

Post a Comment